domingo, 26 de abril de 2009

A Gripe Suína

DRª Conceição Lemes responde ...

O que é a gripe suína?
A gripe suína, é uma doença respiratória aguda altamente contagiosa freqüente em porcos, causada por um ou vários vírus A da gripe suína. O vírus dissemina-se entre os porcos através de aerossóis e por contato directo e indireto. Ocorre entre porcos ao longo de todo o ano, com maior incidência no outono e inverno e em zonas temperadas. Em muitos países, vacina-se rotineiramente os porcos contra a gripe suína.

Quais as implicações para a saúde humana?
Os sintomas clínicos genéricos são semelhantes ao da gripe sazonal, mas os relatos de apresentações clínicas variam muito, desde infecção assintomática até pneumonia severa, resultando em óbito. Uma vez que a apresentação clínica típica da infecção por gripe suína em humanos é muito parecida com a da gripe sazonal, a maioria dos casos foi detectada por acaso. Casos leves ou assintomáticos podem não ter sido identificados, motivo pelo qual não se conhece a real extensão da doença entre humanos.

É seguro comer porco e produtos de carne suína?
Sim. Não há registro de transmissão da gripe suína por ingestão de alimentos adequadamente manuseados e preparados com carne de porco ou outros produtos derivados de porcos. O vírus da gripe suína não resiste à cocção em temperaturas superiores a 70°C, como se recomenda para a preparação de carne de porco e outras carnes para alimentação humana.


sexta-feira, 17 de abril de 2009

Dia Mundia da Hemofilia

Comemora-se hoje, dia 17 de Abril, o Dia Mundial da Hemofilia sob o lema “tratamento para todos”.
Para a Federação Mundial de Hemofilia a escolha do tema “tratamento para todos” significa o direito que têm todas as pessoas com este problema a um tratamento seguro e eficaz.
A hemofilia é um distúrbio da coagulação do sangue, pouco comum, que afecta cerca de 400 mil pessoas em todo o mundo.
A Associação Portuguesa dos Hemofílicos assinala este dia através da distribuição de folhetos, boletins e brochuras alusivos à doença, em vários locais de Lisboa e do Porto.
in, Portal da Saúde, 17 de Abril de 2009
A hemofilia é um distúrbio na coagulação do sangue. Quando cortamos alguma parte do nosso corpo e começa a sangrar, as proteínas que são os elementos responsáveis pelo crescimento e desenvolvimento de todos os tecidos do corpo, entram em acção para estancar o sangramento. Os indivíduos portadores de hemofilia, não possuem essas proteínas e por isso sangram mais do que o normal. Os factores de coagulação são vários que têm uma sequência própria, no final da sequência forma-se o coágulo e acaba com o sangramento; num hemofílico um desses factores não funciona ou seja o coágulo não se forma, o sangramento continua.
A hemofilia é uma doença congénita hereditária que se caracteriza por hemorragias difíceis de controlar, por vezes espontâneas ou devidas a pequenos traumatismos com insuficiente e lenta coagulabilidade do sangue. Manifesta-se quase exclusivamente em indivíduos do sexo masculino.

video